ÚLTIMAS
recent

São Paulo aponta vitória que "pode mudar tudo"

O habitualmente emburrado Muricy Ramalho não perdeu a paciência nem mesmo com uma série de telefonemas que recebeu após a suada vitória por 1 a 0 sobre o San Lorenzo, já na madrugada desta quinta-feira. Foram 13 ligações perdidas enquanto o técnico do São Paulo concedia entrevista coletiva no Morumbi. "Vê o que esse chato quer", pediu para um assessor. "Ligou de novo? Alô? Fala aí", atendeu, tranquilo e sorridente mesmo após descobrir que se tratava de telemarketing.
São Paulo : 
O habitualmente emburrado Muricy Ramalho não perdeu a paciência nem mesmo com uma série de telefonemas que recebeu após a suada vitória por 1 a 0 sobre o San Lorenzo, já na madrugada desta quinta-feira. Foram 13 ligações perdidas enquanto o técnico do São Paulo concedia entrevista coletiva no Morumbi. "Vê o que esse chato quer", pediu para um assessor. "Ligou de novo? Alô? Fala aí", atendeu, tranquilo e sorridente mesmo após descobrir que se tratava de telemarketing.

A calma de Muricy Ramalho tinha motivo. O gol marcado por Michel Bastos no final da partida contra o San Lorenzo isolou o São Paulo na vice-liderança do grupo 2 da Copa Libertadores da América e garantiu a alegria de uma torcida que já havia dado sinais de impaciência diante do São Bento.

"É claro que foi importante, já que a gente vinha em uma situação difícil. Foi uma vitória que pode mudar tudo. Falei isso para os jogadores", comentou Muricy, valorizando o desempenho do São Paulo. "Lutamos muito para vencer. O San Lorenzo é experiente, toca bem a bola e joga no erro do adversário", valorizou.

Embora tenha atacado pouco, o time argentino esteve perto de proporcionar um final de noite completamente distinto para Muricy. Um minuto antes de Michel Bastos acertar a bola na rede, a torcida da casa havia vaiado bastante o meia Paulo Henrique Ganso, substituído por Boschilia, dando um prenúncio do que poderia ocorrer em caso de empate.

Ainda assim, Muricy garantiu que não estaria tão emburrado se o placar tivesse permanecido inalterado. "Quando você ganha um jogo e não vai bem, fica contente só pelo resultado. Hoje, não. O time brigou até o final, então devo ver as coisas pelo lado bom. É claro que eu ficaria um pouco aborrecido sem a vitória, mas sem loucura", declarou.

De qualquer forma, o resultado foi de fundamental importância para o São Paulo. Antes "complicado" porque perdeu duas vezes para o Corinthians no ano, em palavra utilizada duas vezes pelo próprio Muricy, o time vermelho, preto e branco encontrou o alívio com os 6 pontos ganhos em sua chave na Libertadores, atrás apenas do grande rival (9). O San Lorenzo permaneceu com 3.

"O importante é que fizemos um bom jogo. É claro que tenho consciência de que o time não está jogando tão bem ainda, que precisa melhorar", concluiu Muricy Ramalho, mais sisudo, antes de colocar o telefone celular no bolso da calça e seguir, satisfeito, para casa.

Fonte da Notícia: Esportes Terra
Notícias Atuais

Notícias Atuais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Voltar ao Topo
Tecnologia do Blogger.