ÚLTIMAS
recent

EUA cria acidentalmente a bateria infinita

Especialistas da Universidade da Califórnia, m Irvine, fizeram essa descoberta incrível por acidente, enquanto tentavam substituir o lítio líquido das baterias por uma opção mais segura. Foi então que eles encontraram essa variante muito mais duradoura, que é 400 vezes mais eficiente que qualquer outra atual.
EUA cria acidentalmente a bateria infinita:
O desejo de todo mundo virou realidade: cientistas norte-americanos criaram uma bateria infinita que depois de ser submetida a mais 200 mil ciclos perde somente 5% de suas carga.

Especialistas da Universidade da Califórnia, m Irvine, fizeram essa descoberta incrível por acidente, enquanto tentavam substituir o lítio líquido das baterias por uma opção mais segura. Foi então que eles encontraram essa variante muito mais duradoura, que é 400 vezes mais eficiente que qualquer outra atual.

Os cientistas trabalharam com nanofios de ouro cobertos com gel de eletrólitos. Embora já se soubesse que esses cabos são grandes condutores, agora eles constataram que, além disso, são capazes de resistir a mais de 200 mil cargas. Foi a estudante Mya Le Thai quem conseguiu aplicar o gel que fez com que esses cabos não se rompessem durante o processo de carga e descarga.

Leia Também: Inventor do celular fala sobre a próxima revolução tecnológica
Veja Também: Eclipse solar do século que anuncia o fim do mundo

A sua descoberta ocorreu ao acaso. “Mya estava brincando com o cabo e o cobriu todo com uma camada fina de gel antes de dar início ao ciclo. Ela descobriu que somente utilizando esse gel (de eletrólitos) podia submetê-lo a ciclos (de carga e descarga) centenas de milhares de vezes sem que ele perdesse suas capacidades”, afirmou o conselheiro do departamento de química da Universidade da Califórnia, Reginald Penner.

Agora, há ainda um longo caminho a ser pecorrido até essa incrível descoberta ser transformada em uma bateria de celular, pronta para ser usada no nosso dia a dia. O uso dos filamentos de ouro, por mais finos que sejam, torna muito cara a produção em massa desse tipo de bateria. Para resolver o problema, seria preciso estudar o uso de um material mais barato.

Obrigado pela sua visita no Site de Notícias Atuais !!!
Fontes: History, BBC
Fonte da imagem: Google.com.br
Notícias Atuais

Notícias Atuais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Voltar ao Topo
Tecnologia do Blogger.